Pesquisar neste blog

sábado, 29 de janeiro de 2011

João Evangelista - vereador

JOÃO EVANGELISTA DE MENEZES FILHO, natural de Apodi - RN, nascido no ano de 1974, filho de João Evangelista de Menezes e de Maria Celeste Torres.
É presidente do maior bloco carnavalesco de Apodi, o Xoxoteiro, com quase cinco mil componentes.
É vereador e presidente da Câmara Municipal de Apodi pelo Partido da República - PR.
Formado em biologia;
Já foi vice diretor e professor da Escola Estadual Professor Antonio Dantas;
Fundador do grupo de Escoteiros de Apodi. 

Mais informações? tudodeapodi@hotmail.com

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Unidade de Beneficiamento de Mel da COOPAPI

Implantada em 2006, a Unidade de Beneficiamento de Mel da COOPAPI, na comunidade de Córrego a apenas 10 km do município de Apodi/RN, vem gerando melhorias e concretizando mudanças na vida dos agricultores daquela região.
Desde então, a Unidade de Beneficiamento é de fundamental importância não só para o aumento da renda, através da agregação de valor aos produtos comercializados, como também para o fortalecimento da organização social das famílias envolvidas, ao gerar ocupação da mão-de-obra dos jovens e mulheres das comunidades associadas.
Além de realizar a comercialização dos produtos dos grupos que compõe a sua rede, a COOPAPI, através do seu Departamento de Apicultura, é também responsável pelo beneficiamento do mel de abelha, na forma de sachê e garrafas.
Atualmente, a Unidade de Beneficiamento da COOPAPI produz e comercializa um mel de qualidade indiscutível, sob a marca de Mel Potiguar, encontrado em variados tipos de garrafas e sachê, com tamanhos e preços que servem a qualquer comprador.
Umas das estratégias desenvolvidas pela COOPAPI para fortalecer a cadeia produtiva da apicultura na região, o beneficiamento do mel, vem conseguindo, através do mercado institucional, levar o consumo do produto Mel potiguar a cerca de 55 mil pessoas, em mais de 259 escolas e instituições filantrópicas, atendendo a negociação da produção de cerca de 200 famílias dedicadas à apicultura.
Além disso, o mel produzido pelos agricultores familiares da COOPAPI é isento de contaminação por agrotóxicos, pois é extraído através de néctar de flores de mata nativa, representando o que há de mais puro na produção de mel e seus derivados.

Saiba mais:
www.coopapi.blogspot.com
www.coopapi.com.br
(84) 3333-9582

domingo, 23 de janeiro de 2011

ProJovem Campo Saberes da Terra - Córrego

A parceria entre a equipe de educação do campo da Secretaria Estadual da Educação do Rio Grande do Norte com os movimentos sociais, por meio do Programa Saberes da Terra, está mudando a vida de famílias rurais no interior do estado. O programa foi avaliado por uma consultoria do MEC e classificado como um dos melhores do País, segundo Leonida Reich, consultora Cecad/MEC, responsável pela sistematização do programa nos anos de 2008 e 2009.

O Saberes da Terra é um programa nacional de educação que proporciona qualificação social e profissional a famílias de agricultores, tendo como instrumento uma política de fortalecimento de atividades agropecuárias no sentido de melhorar a renda familiar e a ampliação do acesso e permanência de jovens e adultos no sistema formal de ensino.
No Rio Grande do Norte, 31 municípios estão com suas turmas em plena atividade. São 22 no território da cidadania da Região do Mato Grande e 18 no Território da Cidadania da Região do Apodi. Cada turma possui, em média, trinta alunos. Eles participam de aulas teóricas e práticas, de segunda a quinta feira. Na sexta, o trabalho é voltado para o planejamento das atividades da semana seguinte. A meta do programa é formar uma turma a cada dois anos e o curso corresponde ao ensino fundamental.

De acordo com a consultora, a relação entre a equipe de educação do campo com os movimentos sociais causou uma impressão muito boa porque o programa tem como objetivo buscar meios para manter essas famílias nas regiões de origem. “Muitas famílias rurais saíram do campo porque, foram de alguma forma, obrigadas por fatores econômicos. Queremos buscar meios para manter as que ainda estão e até incentivar para que muitas voltem. Por isso, essa parceria com os movimentos e com os projetos de assentamentos é importante para a manutenção e ampliação do programa”. Afirmou Leonida.

Um dos exemplos que vem dando certo, por meio da parceria, é o do Povoado do Córrego, no município de Apodi, a 333 km de Natal, na Região da Chapada do Apodi. Os alunos da turma do Córrego estão com dois projetos em plena atividade. Um na área de apicultura e outro de horticultura orgânica que está fornecendo produtos para a merenda escolar das redes estadual e municipal, por meio da compra direta. Segundo Raimunda Ferreira, secretaria de educação do município, a prefeitura está adquirindo 30% da merenda escolar às cooperativas de agricultores rurais.

A então diretora da 13ª Dired, professora Maria Marlizete Duarte Marinho, afirmou que o programa vem dando certo na região devido a vários fatores. Entre eles, ela destacou a parceria entre a Seec/MEC, Secretarias Municipais de Educação, Cooperativas Agrícolas, a participação dos professores com perfil apropriado e o empenho dos alunos.

“Alguns alunos estão realizando um sonho. Um sonho de voltar à sala de aula, de voltar a estudar. Como pedagoga, entendo que educação é um direito de todos e o nosso trabalho é incentivar para que não haja desistência”, disse.

Equipe de educadores: 
Antonio Caubí Marcolino Torres
Antonia Ferreira de Paiva
Maria das Graças da Silva Torres
Irenilde Oliveira de Sousa


Fonte: www.tribunadonorte.com.br

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Apodi - jogador de futebol


LUIZ DIALLISON DE SOUZA ALVES, conhecido como Apodi nasceu no dia 3 de dezembro de 1986 na comunidade rural de Poço Tilon, localizada às margens da BR-405, KM 63, sentido Apodi/Mossoró. De família pobre, sofreu também na infância com  fome e trabalho duro na roça e no mato.

Correr atrás de bode, cavalo e gado era a maior diversão do menino. Aos12 anos de idade tomou uma decisão de homem feito. Foi morar no sítio do tio Antonio, irmão de sua mãe.Também pudera Titoin era coligado nas carreiras atrás dos animais.

Com ele, bancava o sustento no inverno através do plantio de feijão e milho. No verão, entrava mata adentro para passar longos cinco dias. A missão era quebrar pedras para fazer calçamento de ruas à base de marretas de até 8kg.

Qual louco imaginaria que o humilde Luiz Dialisson como pessoa passaria a carregar o nome da cidade Apodi pelo Brasil?

Quando vem todo fim de ano passar férias, é festa. Apodi sempre chega de madrugada e os parentes estão ali, esperando. Já no descanso de casa, não perde a chance de filar o baião-de-dois, mistura legal de feijão e arroz. 

Muito veloz e ágil, joga principalmente na posição de lateral-direito, podendo também exercer funções mais ofensivas.
Carreira: 

Começou sua carreira no Real Salvador, mas iniciou-se profissionalmente no Vitória, em 2005. Chamou a atenção de clubes de todo o Brasil devido às suas atuações pelo rubro-negro baiano na Série B 2007, ano em que o clube conseguiu ser promovido à Série A do ano seguinte. Ao final da temporada, foi eleito o lateral-direito da competição.

Com suas arrancadas características em alta velocidade e sua vunerabilidade a faltas, Apodi se tornou ídolo da torcida do Leão ao provocar inúmeras expulsões e pênaltis para o time rubro-negro. Gritos, apelidos e faixas foram feitos para homenagear o lateral, que, com sua garra e atitude em campo, empolga qualquer um que esteja vendo-o jogar.

No início de 2008, foi contratado pelo Cruzeiro. Porém, após apenas uma partida pelo clube e sem muitas oportunidades no time titular, logo foi emprestado ao Santos, em troca do também lateral Carlinhos. Com a saída do técnico Cuca, também perdeu seu espaço no Santos e foi novamente emprestado, dessa vez ao São Caetano.

No final da temporada de 2008, foi novamente emprestado, dessa vez ao Vitória, clube que o revelou, até o final de 2009. No time baiano, foi um dos destaques da conquista de mais um título baiano e está sendo, outra vez, uma importante arma ofensiva no Brasileirão.


terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Hino de Apodi



Letra e Música: José Martins de Vasconselos. 

Nestas plagas de campos ardentes
Onde o sol tem mais brilho e calor,
Vive um povo de heróis e valentes
Que não temem da vida o labor
Salve terra querida e pujante,
Salve filha do vasto sertão.
Que o progresso te cinja e levante
na vanguarda da grande nação!
Apodi, Apodi, pátria amada
Como é lindo o luar que a prateia,
E a gigante lagoa adornada
De verduras que a margem rodeia
Salve terra querida e pujante...
Itaú teu herói legendário,
vibra em nós como um eco acordando
A ternura sem par de um erário
de mil glórias que vamos herdando.
Salve terra querida e pujante...
Nestas plagas, sem fim onde altiva
A viril carnaúba se alteia
 medra o gênio da raça nativa
que o passado sem mancha pompeia!
                              Salve terra querida e pujante...

Baixar áudio do hino

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Símbolos do município

bandeira apodi
Bandeira

Brasão do Apodi
Brasão

logopma
Logomarca da Prefeitura


Brasão da Câmara Municipal de Apodi

domingo, 16 de janeiro de 2011

Entrega de Certificados do MIDEP Apodi - Deusinha

No dia 16 de janeiro de 2011 aconteceu a entrega de 61 certificados de conclusão de curso de informática básica na sede da AMPC, no Córrego e Deusinha premiou a todos com um de suas bonitas e sábias poesias. Leia.

Hoje é entrega de diplomas
Que grande satisfação
Hora de muita emoção
e realização profissional
Nesta data especial
Começo homenageando
A Fundação Banco do Brasil
Educadores e Educandos

Inicio informando
Os alunos em geral
Foram 61 que legal
Neste curso de informática
Com 5 turmas simpáticas
E educadores extraordinários
Caubí Torres, Ana Izadora
E o nosso professor Genário.

Os alunos que participaram
Alanna Brena, Carla Janiele
Eniésia Karisma, Doriédina Rochele
Bruna, Darlon, Joégna, João
Cleiton, Gilmária , Deusinha de Dão
Jakelane, Wilma, e Ciliane
Graça Da Silva Ferreira
Lucas, Daniela e Raiane.

Artur, Kaleb, Keiliane
Ítalo, Eduarda, Jamile, Marciano
Silvana, Totinha,Thamires, Geovano
Silvanete, Vanessa, Rafaela
Antonia Maria, Maria Graciela
Gilberto , Marcelo, Ismael
Íngrid, Hiago e Izândalo
Guilherme, Neilson, Rafael.

Antônia Paiva, Ebbson, Alexwel
Jéssica, Jessuíla, Eciélio, Beckman
Maurisa, Rayssa, Rita, Vanderlan
Sâmara, Giliarde, Patrícia, Feliciano
Aqui finalizo os alunos sem engano
Ana Izabela, Graça Torres que legal
Com o nome Antonio Urbano
Chego a reta final.

A Estação Digital Espaço Virtual
Me deixa muito contente
Por ter recebido o presente
De hoje recitar Pra você
Não me canso de dizer
Esta estação é nota mil
Agradeço aos parceiros
E a Fundação Banco do Brasil.

DEUSINHA. Poetisa Popular do Córrego em 16 de janeiro de 2011.

sábado, 8 de janeiro de 2011

Joéliton Jackson - esportista

Joéliton Jackson Pereira de Oliveira, conhecido popularmente por Joeliton, nascido dia 7 de Fevereiro de 1993, filho de Joel Gomes de Oliveira e de Terezinha Pereira de Oliveira, Joéliton é uma das grandes promessas do futebol apodiense. 

O garoto de 17 anos joga na posição de zagueiro e surgiu para o futebol na escolinha da UNIVAP de Apodi onde começou aos 13 anos a jogar futebol mais foi através de seus esforços que está evoluindo. Primeiro surgiu a oportunidade de fazer parte da equipe do Apodi na Copa Oeste 2009, onde nos treinos foi evoluindo, e por ai surgiu a oportunidade de jogar o Estadual sub 17 pelo Baraúnas de Mossoró. 

No Baraúnas fez uma boa participação no campeonato e foi chamado pelo América de Natal para jogar um campeonato pelo clube mais por motivos da documentação não deu certo a ida dele para o América. 

Depois desse acontecido o adolescente não desistiu e continuou na equipe de Apodi na Copa Oeste 2010 onde foi campeão aos seus 17 anos da Copa Oeste, ele também já ganhou a Copa Univap sub 18 (2009), o Campeonato da LDM sub 17 pelo Baraúnas de Mossoró, e vários títulos amadores da cidade de Apodi.

O garoto fala que tem o sonho de se tornar um jogador de Futebol Profissional, e para isso treina forte todos os dias para que esse sonho se torne realidade, e diz que falta só o apoio dos grandes da cidade para que não só ele mais como vários atletas da sua idade.


quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Capítulo Príncipe Vale do Apodi Ordem Demolay - entidade

O Capitulo Príncipe Vale do Apodi surgiu no dia 14/03/1989 patrocinado pela Aug.•.Resp.•.Loj.•.Simb.•. Vale do Apodi nº 17 a qual somos gratos pela iniciativa de ter abraçado a causa da Ordem DeMolay e ter fundado o tão sonhado Capitulo Príncipe Vale do Apodi, instituição que hoje completa seus vinte e um anos e tem muita historia pra contar, dedicado a fazer o bem. 

O CPVA 97 sempre tem realizado campanhas filantrópicas como o já conhecido Natal “Criança Feliz”. Além de movimentos como a blitz DeMolay contra as drogas e as antigas gincanas de conhecimento entre os colégios do município.

Dentro de suas atividades internas pode ser citada a realização de inúmeros eventos como churrascos, shows e as tradicionais feijoadas que agora contam com o nome de DeMolay Fest Feijão. Na área esportiva o capitulo esta empenhado em realizar Trilhas e Campeonatos de Futsal.

No ano de 2009 o Príncipe do Vale contou com a responsabilidade de realizar o ELOD – RN que aconteceu recheado de novidades. Como o Capitulo conta com uma experiência de ter realizado três congressos estaduais e um encontro de lideres mais uma vez fez bonito. 

Já tendo iniciado mais de quinhentos irmãos o Capitulo Príncipe Vale do Apodi é hoje muito bem representado na sociedade tendo filhos de suas fileiras em diversos locais de atuação criando uma ótima teia de exemplo e convivência para os novos DeMolays.

Somos felizes de termos este Capitulo forte e contando com a união dos seus mais de trinta membros ativos, dos Tios Maçons, da nossa loja patrocinadora e de toda a família maçônica apodiense que nos faz nos apoiam e dão forças para nós. O qual todos podem afirmar que a Ordem DeMolay é mais do que uma escolha é um estilo de vida!.

Maria Luiza - poetisa


Curso Superior: Letras
-Atuação como professora no CNSC (1991-1992); lecionando língua portuguesa, inglesa, literatura brasileira e redação;
-Atuou como orientadora pedagógica na Secretaria Municipal de Educação  na Escola Lindaura Silva; 
-Bibliotecária da Antiga Biblioteca Machado De Assis (Hoje Válter de Brito Guerra); 
-Secretária do Projeto George Marinho (Visão Mundial) Durante 10 Anos.
-Atualmente: bibliotecária no Núcleo da UERN;
-Membro da Igreja Evangélica Congregacional; 
-A mesma ministra palestras nas escolas sobre poesia, literatura, onde divulga o seu trabalho. "Tenho pretensão de lançar mais livros .... sempre estou escrevendo o que penso...o que sinto..."