Pesquisar neste blog

domingo, 17 de janeiro de 2021

Associação de Córrego elege nova diretoria

Na manhã de hoje (17), os sócios da Associação de Mini Produtores de Córrego e Sítios Reunidos - AMPC, realizaram hoje eleição e posse da nova diretoria para o mandato 2021/2022.  A eleição seguiu os protocolos de segurança em virtude da pandemia da Covid-19. 

Veja a relação dos diretores eleitos:
Presidenta: Irenilde Oliveira de Sousa 
Vice-presidenta: Rita Maria Neta 
1° tesoureiro: Vicente Benigno Neto 
2° tesoureiro: Francisco Edson da Silva 
1ª Secretária, Clarisse de Oliveira Torres 
2ª secretária: Ronimeire Torres da Silva 

Foram eleitos também o conselho fiscal efetivo: 
Isaac Wallacy de Sousa 
Rita Tôrres de Lima Silva 
Reginaldo Câmara da Costa 

Suplentes: 
Antonia Zilma da Silva 
Antonio Deuzimar Marcolino 
Maria da Saúde Gomes Pinto 

A missão da diretoria da AMPC de Córrego nesse tempos difíceis de pandemia é continuar o trabalho coletivos em defesa dos moradores da região da Areia de Apodi. A associação funciona desde o ano de 1991 e tem em sua trajetória um conjunto de ações em defesa dos agricultores familiares. 

Parabéns e boa sorte a nova direção! 

Diretoria eleita




Ex-presidente Vicente entregando documentação da AMPC a nova gestora Irenilde.

quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Carnaval de 2021 de Apodi é cancelado em virtude da pandemia da Covid- 19

Através de uma entrevista coletiva a imprensa local na noite de ontem, (13), o prefeito do Apodi Alan Silveira anunciou o cancelamento do carnaval de rua 2021. O anuncio foi feito face a pandemia que persiste e atinge uma segunda onda de cunho quase igual a primeira onda. 

O prefeito Alan Anunciou que devido ao grande fluxo de pessoas que frequentam um dos maiores carnavais de rua do estado, não será viável a realização do carnaval 2021. “O carnaval de rua de Apodi triplica o número de habitantes durante os dias de folia e como ainda as pessoas não estão imunizadas, não temos como controlar uma situação assim”, disse. “Assim, torna-se uma atitude plausível não realizarmos o carnaval esse ano”, comentou. “A primeira etapa da vacinação, contemplara pessoas idosas e não atingirá a população que participa ativamente do carnaval, portanto inviável a realização do carnaval", informou. 

O carnaval de Apodi, se constituiu num dos maiores carnavais de rua do estado e ganhou uma notoriedade que perpassa outros estados. Assim, muitos foliões de outros estados vêm brincar em Apodi. O carnaval tornou-se uma grande fonte de renda para o município. Num entanto, o prefeito Alan disse que o próximo ano, com todo mundo imunizado, um dos maiores carnavais de rua estará de volta. 

Dessa forma, em uma atitude louvável e de respeito a vida, o prefeito Alan Silveira, juntamente com sua equipe informa que o carnaval de rua esse ano está cancelado.

Matéria copiada do blog do professor Toinho

Lei de criação do distrito de Córrego, Apodi /RN

O distrito de Córrego, Apodi /RN, foi criado através da lei 1132/2017 na gestão do prefeito Alan Alan Jefferson da Silveira Pinto. O projeto de lei foi de autoria da vereadora Soneth Ferreira.
 

LEI MUNICIPAL Nº 1132/2017 28 DE ABRIL DE 2017
Cria o Distrito de Córrego e dá outras providências.

O PREFEITO MUNICIPAL DE APODI-RN faz saber, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pelo Art. 66 inciso IV da Lei Orgânica, e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º - Em consonância com o art. 21, da Lei Complementar Estadual nº 102/92, fica criado o distrito de Córrego, constituído de núcleo urbano e rural, já existente naquela localidade.

Art. 2º - O Núcleo Urbano do Distrito de Córrego, submeter-se-á as normas disciplinares importas à Administração Urbana da Sede do Município.

Art. 3º - Caberá ao Prefeito Municipal, através de ato regulamentar, estabelecer normas de implantação e funcionamento da administração do Distrito.

Art. 4º - Caberá ainda ao Prefeito Municipal, regulamentar a delimitação do território do distrito, fixando os seus limites, descrevendo-os integralmente, trecho a trecho e indicando os acidentes geográficos.

Art. 5º - Fica estabelecido o prazo de 18 (dezoito) meses para o Executivo Municipal implantar, oficialmente, o distrito como subdivisão, administrativa do município.

Art. 6º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Gabinete do Prefeito Municipal em Apodi/RN, em 28 de abril de 2017

Alan Jefferson da Silveira Pinto
Prefeito Municipal

Luciano Marcos Diógenes de Moura
Secretário de Administração e Planejamento Portaria nº 00131/2017

quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

Lei de criação do Distrito de Soledade, Apodi /RN

O Distrito de Soledade foi criado através da lei 284/97 na gestão do Prefeito Evandro Marinho de Paiva. 

LEI Nº 284/97 De 03 de novembro de 1997
Cria o Descrito de Soledade e dá outras providências.

O PREFEITO MUNICIPAL DE APODI/RN. Faço saber que o Poder Legislativo aprovou e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 10 – Em consonância com o art. 21, da lei Complementar Estadual nº 102/92, fica criado o Distrito de Soledade, constituído de núcleo urbano e Rural, já existentes naquela localidade.

Art. 2º - O Núcleo Urbano do Distrito de Soledade, submeter-se-á as normas disciplinares impostas à Administração Urbana da Sede do Município

Art. 3º - Caberá ao Prefeito Municipal, através de ato regulamentar, estabelecer normas de implantação e funcionamento da administração do Distrito.

Art. 4º - Caberá ainda ao Prefeito Municipal, regulamentar a integralmente, trecho a trecho e indicando os acidentes geográficos.

Art. 5º - Fica estabelecido o prazo de 18 (dezoito) meses para o Executivo Municipal implantar, oficialmente, o Distrito como subdivisão administrativa do município;

Art. 6º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 7º - Revogam-se as disposições em contrário.

Palácio Francisco Pinto, em Apodi – RN, em 03 de novembro de 1997.

Evandro Marinho de Paiva 
Prefeito Municipal

terça-feira, 12 de janeiro de 2021

Impostômetro

 Veja quando já foi arrecadado de impostos esse ano no nosso município! 

Lei de criação do Distrito de Melancias, Apodi/RN

Distrito de Melancias foi criado através da Lei Nº 275/97 De 05 de junho de 1997, no mandato do prefeito Evandro Marinho de Paiva. Veja a lei de criação 

LEI Nº 275/97 De 05 de junho de 1997 
Cria o Distrito de Melancias e dá outras providências. 


O PREFEITO MUNICIPAL DE APODI/RN. Faço saber que o Poder Legislativo aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: 

Art. 10 – Em consonância com o art. 21, da lei Complementar Estadual nº 102/92, fica criado o Distrito de Soledade, constituído de núcleo urbano e Rural, já existentes naquela localidade. 

Art. 2º - O Núcleo Urbano do Distrito de Melancias, submeter-se-á as normas disciplinares impostas à Administração Urbana da Sede do Município 

Art. 3º - Caberá ao Prefeito Municipal, através de ato regulamentar, estabelecer normas de implantação e funcionamento da administração do Distrito. 

Art. 4º - Caberá ainda ao Prefeito Municipal, regulamentar a delimitação do território do distrito, fixando os seus limites, descrevendo-os integralmente, trecho a trecho e indicando os acidentes geográficos. 

Art. 5º - Fica estabelecido o prazo de 18 (dezoito) meses para o Executivo Municipal implantar, oficialmente, o Distrito como subdivisão administrativa do município; 

Art. 6º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. 

Art. 7º - Revogam-se as disposições em contrário. 

Palácio Francisco Pinto, em Apodi – RN, em 05 de junho de 1997. 

Evandro Marinho de Paiva 
Prefeito Municipal 

domingo, 10 de janeiro de 2021

Secretários municipais de Apodi - janeiro 2021

Ariana Cinthia Dantas de Paiva, Secretária Municipal de Administração e Planejamento. Portaria 01/2021. 

Luciano Marcos Diógenes de Moura, Secretário chefe do Gabinete do Prefeito. Portaria 02/2021. 

Juniano Marquezan de Almeida Morais, Secretário Municipal Tributação e Finanças. da Secretaria Municipal de Tributação E Finanças – SEMTF. Portaria 03/2021. 

Elthon Rosemberg Silveira de Souza, Secretário Municipal de Agricultura Recursos Hídricos Meio Ambiente e Pesca. Portaria 04/2021. 

Itamara Isis Silveira de Sena, Secretária Municipal de Desenvolvimento Assistência Social, Mulher e Igualdade Racial Social. Portaria 05/2021. 

Luis Sabino da Costa Neto, Secretário Municipal de Saúde. Portaria 06/2021. 

Francisco Elmo Alves Torres, Secretário Municipal de Educação e Cultura. Portaria 07/2021. 

Elison Mayard Costa de Lima, Secretário Municipal de Turismo, Juventude Esporte e Lazer. Portaria 08/2021. 

Alan de Melo Rodrigues, Secretário Municipal de Urbanismo Transporte Obras e Serviços Urbanos. Portaria 09/2021. 

Alan Costa Fernandes, Controlador Geral do Município. Portaria 10/2021. 

Francisco das Chagas da Silva, Tesoureiro. Portaria 11/2021.