Pesquisar neste blog

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Claúdia Mota

CLÁUDIA MARIA MOTA OLIVEIRA, nasceu em Mossoró/RN, no dia 22/12/1972, mas passou grande parte da sua vida residindo em Caraúbas/RN. É filha de Genildo Augusto de Oliveira (In memorian) e Alzemar Guiomar Mota (In memorian). É casada com Raniere Kleber Lopes Pinto (apodiense) e mãe de Mayara Vitória Mota Lopes (apodiense). Reside em Apodi desde 14/12/1997 

Estudou o Ensino Fundamental I de 1980 a 1983 na Escola Estadual Francisco Reinaldo da Costa – Sítio São Geraldo – Caraúbas/RN. O Ensino Fundamental II de 1984 a 1987 foi na Estadual Sebastião Gurgel e de 1988 a 1990 estudou Ensino Médio na mesma escola em Caraúbas/RN. 

Recebeu graduação em Serviço Social pela Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN) em Mossoró/RN em 11/02/1995 e seu trabalho de Conclusão de Curso – TCC – “A Percepção da Exclusão: Um Desafio na III Idade”. 

Em 02/02/2011 concluiu Especialização em Gestão Ambiental pela Faculdade do Vale do Jaguaribe (FVJ) no Ceará, com o Trabalho de Conclusão de Curso – “O lixo, um problema ambiental no Projeto de Assentamento Milagre no município de Apodi/RN”. 

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL 
1997 a 2001 
Instrutora de Cursos do SINE/Cooperativa Terra Viva em diversos assentamentos de Apodi. 

1998 a 2000 
Técnica do Projeto LUMIAR no município de Apodi nos Assentamentos Aurora da Serra, Frei Damião, Milagre, Nova Descoberta, Paraíso e Vila Nova. 

2001 
Assistente Social da Prefeitura Municipal de Apodi/Secretaria Municipal de Ação Social por um período de 8 meses. 
Acompanhamento aos Projetos de Investimentos do PRONAF A nas áreas de Assentamentos de Aurora da Serra, Frei Damião, Milagre, Paraíso e Vila Nova em Apodi. 

2002 
Técnica de Nível Superior da Cooperativa Terra Viva – Acompanhamento aos Projetos de Assentamentos do município de Apodi Aurora da Serra, Laje do Meio e São Manoel no Programa de Assistência Técnica do INCRA. 

Assessoria na área de Desenvolvimento Econômico no Conselho de Desenvolvimento das Comunidades Reunidas do Município de Apodi (PDA Santa Cruz/Visão Mundial) nas comunidades de Baixa Fechada, Bamburral, Bico Torto, Lagoa Rasa, Melancias, Santa Cruz I e II, Santa Rosa I e Sororoca. 

Articuladora Local do Programa Um Milhão de Cisternas – P1MC no município de Apodi nas comunidades de Bamburral, Santa Cruz, Santa Rosa I e São Francisco. 

2003 
Coordenadora Administrativa do Centro de Apoio ao Desenvolvimento da Agricultura Familiar – TERRA VIVA – até março/2008. 

FUNÇÃO ATUAL 
Técnica de Nível Superior do Centro de Apoio ao Desenvolvimento da Agricultura Familiar – TERRA VIVA na parceria com o Projeto Dom Hélder Câmara/Secretaria de Desenvolvimento Territorial/Ministério do Desenvolvimento Agrário aos Projetos de Assentamentos Laje do Meio, Milagre, Nova Descoberta e Paraíso, desde dezembro de 2002 e as Comunidades de Água Fria e Bamburral desde fevereiro de 2006. 

Técnica de Campo do Centro de Apoio ao Desenvolvimento da Agricultura Familiar – TERRA VIVA na parceria com a Associação de Apoio as Comunidades do Campo do RN/ Rede Pardal/a entidade francesa Agrônomos e Veterinários Sem Fronteiras/União Européia do Projeto Balaio de Economia Solidária nos assentamentos Laje do Meio, Paraíso, Nova Descoberta e Milagre em Apodi (desde março/2010). 

Coordenadora Institucional do Centro de Apoio ao Desenvolvimento da Agricultura Familiar – TERRA VIVA (desde março de 2011). 

Secretaria Executiva da Rede Pardal/Rede de Assessoria Técnica (desde março de 2011). 

Membro do Grupo de Trabalho do Território Sertão do Apodi do Projeto Inovação, Diversidade e Sustentabilidade na Gestão de Territórios Rurais: monitoramento e avaliação do desenvolvimento do Assú-Mossoró e do Sertão do Apodi. 

Membro do Comitê Territorial do Sertão do Apodi (Titular). 

Membro do Conselho Municipal de Assistência Social de Apodi (desde 2009).

Claúdia Mota recebe hoje (01/12/2011) o Título de Cidadã Apodiense na Câmara Municipal de Apodi.

Um comentário:

Caubí Torres disse...

Parabéns Claúdia Mota e muito obrigado por tudo o que tem feito pelo nosso Apodi. É de pessoas como você que nosso município precisa; Que seu exemplo seja seguido por aqueles que querem um Apodi melhor.