Pesquisar neste blog

terça-feira, 21 de outubro de 2014

O homem da esquina - Dodora

O homem ficava na esquina
querendo ser um intelectual
Falava sempre.
Falava de tudo.
Falava muito
e inventava que era feliz!
Achava que o mundo estava errado.
Ele vivia sonhando em cruzar os setes mares.
Ver a torre de Pisa
Passear nos jardins de Paris.
e brilhar nos países distantes.
Sua mente excitava seus olhos
e ele se sentia o melhor dos homens.
Cada vez mais desejava caminhar nos Países
distantes
Para quê?
Ele não se dizia feliz?

Contraponto - Maria Auxiliadora da Silva Maia - Poesias/Crônicas e Contros Ingênuos - 1ª Edição, 1998

Nenhum comentário: