Pesquisar neste blog

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Meu chamado - Paulo FIlho Dantas

“Beijar-te
Um desejo
Ensejo
Que tenho
Adorar-te
Um futuro
Imaturo
Que desenho

Tocar-te
Uma pele
Que queima,
Falar-te
Um segredo
Derradeiro
Que teima

Abraçar-te
Um copinho
Quentinho
Que dorme,
Sonhar-te
Um devaneio
Incendeio
Que aporte

Invocar-te
Um chamado
Invocado
Que declame,
Amar-te
Uma vida
Resolvida
Que ame

Compreender-te
Uma sina
Masculina
Que invisto,
Ceder-lhe
Um verso
Impresso
Que insito

Aventurar-te
Um saber,
Fenecer
Que alimenta,
Pedir-te
Um ninho
Carinho
Que atormenta’’.

"Caminhos do Meu Ser"
Paulo Dantas Magno Filho 

Nenhum comentário: