Pesquisar neste blog

quarta-feira, 23 de setembro de 2020

Dissertação de Raquel Morais: Formação inicial e continuada sob a ótica dos professores das disciplinas de Ciências da Natureza e Matemática da 13ª DIREC lotados no município de Apodi

Dissertação: Formação inicial e continuada sob a ótica dos professores das disciplinas de Ciências da Natureza e Matemática da 13ª DIREC lotados no município de Apodi 
Autor(a): Najara Raquel de Lima Morais 
Programa: Pós-Graduação em Ensino 
Instituição: Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN 
Publicação: 2019 
Fonte do artigo: UERN 


Resumo: 
Com o aparecimento das novas tendências pedagógicas, o professor passa a ser não um depositante do conhecimento, mas, sim, um mediador. Com isso, o docente tem então novos desafios a serem enfrentados, com novas atribuições e exigências. Para tanto, a fim de se formarem professores capacitados para atender a essa demanda, houve então uma necessidade de se estudar a formação do formador. A partir disso, observou-se um aumento no número de pesquisas e estudos, teses e dissertações que abordam esse tema. Com a pesquisa voltada para essa temática, sobre a formação inicial do professor, percebeu-se a necessidade de se estudar também a qualidade da formação continuada desses docentes, não somente a qualidade, mas a importância que esse profissional dava a sua formação e a qualidade da formação em si oferecida a esses profissionais. No entanto, ainda é perceptível uma escassez na literatura de trabalhos com esse tema. Sendo assim, a proposição desta pesquisa teve origem no interesse em relação aos dilemas enfrentados pelos professores das disciplinas de Química, Física, Biologia e Matemática. A pesquisa foi realizada através de entrevistas e aplicação de questionários com os docentes da 13ª Direc analisando as discussões dos pontos levantados pelos professores colaboradores, com base nos referenciais Tardiff (2014) e Maldaner (2006), que trazem em suas obras um melhor embasamento teórico em relação ao pensamento que os mesmos demonstram em relação à formação inicial e continuada. Com isso, almejou-se com esse estudo conhecer aspectos da formação inicial dos professores atuantes, bem como sua busca por uma formação continuada. Através de um levantamento feito para a elaboração deste trabalho, observou-se que no período de 2008- 2018 foram encontradas 20 publicações, entre tese, dissertações e artigos, com essa temática. Porém, esses números são pequenos se analisada a extensão do país e o período de tempo. Outro ponto a ser ressaltado na pesquisa foi a concepção que os próprios profissionais da área têm sobre a definição da formação docente, inicial e continuada, na qual, de uma forma geral, houve uma divisão nas respostas. Uma parte dos docentes afirmou ter tido uma formação satisfatória, enquanto a outra parte relatou que, ao ingressar no mercado de trabalho, teve dificuldades devido às lacunas que não foram preenchidas na graduação. Os levantamentos feitos pelos questionários aplicados analisam dados como tempo de atuação, formação acadêmica, nível de formação, disciplinas em que ministram aula, número de escolas em que trabalham, municípios em que atuam e número de turmas em que lecionam. Foi possível obter através da pesquisa informações pertinentes que geram uma boa expectativa com relação à prática profissional, além de proporcionam ao docente uma melhor visão da sua profissão.

Nenhum comentário: