Pesquisar neste blog

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Conferência discutirá Plano Municipal de Educação na próxima semana


Educadores, estudantes, pais, gestores e representantes de todos os segmentos educacionais reunirão no próximo dia 05 de maio (terça-feira) às 8:00h na Escola Estadual professor Antonio Dantas para participarem da 1ª Conferência sobre o Plano Municipal de Educação de Apodi. O objetivo da conferência é discutir e planejar ações e novas formas de pensar a educação a partir do contexto nacional, da legislação educacional e das inúmeras necessidades e desafios que constantemente são apresentados pela sociedade contemporânea. 

Sobre o PME
O Plano Municipal de Educação de Apodi – PME, fundamentando-se na edição do Plano Nacional de Educação, Lei Federal nº 10.172/2001, que determina que cada município construa seu Plano Municipal a partir dos pressupostos, diretrizes e metas do PNE, este Plano se constitui não apenas no cumprimento da lei, mas na necessidade do município, haja vista que a elaboração permitirá repensar a trajetória da educação de Apodi na sua totalidade e projetar a década da educação, coerente com os anseios da população, alicerçado na conjuntura social, política, econômica e cultural nas esferas governamentais do país como um todo.

Existe uma comissão que já vem discutindo o plano de ações para a educação para o período de 2015 a 2024 . Na conferencia será a vez da sociedade participar. 

O plano está em fase de elaboração. Clique para baixá-lo. Analise, faça suas considerações e participe da conferência para ajudar na construção deste plano. .

segunda-feira, 20 de abril de 2015

IPHAN realiza vistoria visando resgatar historia indígena de Apodi


Representantes do instituto do patrimônio histórico e artístico nacional – IPHAN estiveram recentemente em Apodi, com a finalidade de fazer uma vistoria em demanda do Ministério Publico Federal, para averiguar impactos em uma área originalmente indígena da cidade, denominada de “Córrego das Missões”, localizada próximo a Lagoa do Apodi.

Iago Medeiros, representante do IPHAN, frisou que a vistoria visa analisar se área de trata de fato de um sitio arqueológico indígena, para assim dá encaminhamentos às questões demandadas pelo Ministério Publico.

Lucia Tavares representante indígena e presidente do centro cultural tapuias paiacus, que acompanhou a visita, afirmou que a presença do órgão a cidade é vital, e que resgatará a historia perdida do povo indígena. “Não estamos querendo tomar terra de ninguém, apenas que nosso direito seja reconhecido”, disse ela.

O representante do IPHAN disse ainda que o trabalho será de vistoria, para averiguar se algum tipo de degradação afeta a área, para assim realizar um relatório, e encaminhar aos órgãos competentes. 


Associação cultural em Apodi promove evento beneficente

Da Redação / SOS Notícias do RN
Foto: Ari Oliveira

A Associação Raimunda Dantas (ARD), realizou na manhã deste domingo (19), uma feijoada beneficente com o objetivo de arrecadar fundos para a restauração da sede da associação. Localizado na Casa de Cultura Popular, na zona central da cidade.

Fundada em novembro de 2011, a associação é formada por 120 jovens entre crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. 

A associação desenvolve atividades ligadas à arte, como música, dança e teatro. Todos os membros da associação são voluntários. 

Uma das exigências para os jovens permanecerem na associação é estar regularmente matriculado na escola. A associação ainda possui um trabalho de parceria com as escolas.


Em entrevista ao SOS Notícias do RN, o presidente da ARD, Alex Cassiano, relata que a entidade sempre teve a necessidade de se ter um espaço e foi na Casa de Cultura Popular que eles encontraram. O apoio financeiro é ainda a principal dificuldade, segundo Alex. “O apoio financeiro não é por falta de vontade, é pela falta de costume. Apodi é uma cidade que as coisas demoram a acontecer, mas aos poucos a gente vai conseguindo. É um trabalho de formiguinha!”, explica.

Alex se emociona em contar sua história de vida que chegou a abandonar a faculdade para se dedicar ao teatro. “Eu, particularmente, cheguei a ser expulso de casa. Abandonei a faculdade de Jornalismo e escolhi a arte por amor”, disse.


O ator e diretor artístico, Luís Marinho, enfatiza que a Casa de Cultura foi como um berço para os artistas locais. “Dizem que a gente se apropriou da Casa de Cultura, mas não é o termo correto. Abrigamos aqui porque ela é a única fundação que se vive de cultura, nada mais justo que acolher os artistas da terra”, diz. 

A parceria com a COSERN foi como um divisor de águas, o patrocinador exclusivo da associação foi fundamental no suporte para o desenvolvimento de oficinas de teatro. O valor repassado no final do ano passado, no auto de São João Batista, foi o pontapé inicial na culminância dos projetos. Porém não existe nenhum repasso mensal, a associação sobrevive de donativos como doações do comércio além da própria comunidade que abraça a causa.

Para o estudante Euriandes Jales, 14 anos, a associação possibilitou caminhos diferentes, passando a ver a vida com outros olhos e a desenvolver habilidades que até ele mesmo desconhecia. “Eu mudei de vida após entrar na associação, seguia um estilo de vida que estava me destruindo e aqui tomei um choque de realidade”, conta.

Na ocasião, o evento contou com a presença do secretário municipal de educação e cultura, Caubí Torres. Além da animação do cantor Danilo Nikson.

Durante a noite de sábado (18), os atores apresentaram no auditório da Casa de Cultura Popular, uma espécie de festival de cenas curtas de teatro amador, denominado “FestCurta” onde, na oportunidade, homenagearam de maneira brilhante o dia nacional do livro infantil.


Por Ari Oliveira - Portal S.O.S Notícias do RN

Associação Raimunda Dantas realizou o I FESTCURTA

A Associação Raimunda Dantas através da Companhia Teatral Casarão realizou neste último sábado, 18/04, o I FESTCURTA - Uma homenagem ao Livro Infantil. (Festival de Cenas Curtas de Teatro Amador da Associação Raimunda Dantas) – Edição 2015.

“O festival surgiu da necessidade dos alunos da oficina de teatro da Associação Raimunda Dantas – Cia. Teatral Casarão, estarem mostrando seus conhecimentos aprendidos dentro das aulas ministradas. E serviu também como forma de avaliação por parte dos monitores das oficinas. ” Nesta primeira edição, ele foi planejado e executado em forma de homenagem ao Dia Nacional do Livro Infantil – 18 de Abril – com isso, foram elaboradas três peças teatrais em formato curto, sendo elas: A magia de contar estórias; Os três irmãos e Mundo mágico. 

“A Magia De Contar Estórias” foi dirigida pelo ator e monitor de teatro da Associação-ARD, Luis Marinho e teve como objetivo principal disseminar a literatura infantil e o consumo literário através da arte milenar de contar histórias. 
“Os Três Irmãos”, foi dirigida e adaptada pelo ator da Associação-ARD e Companhia-CTC, José Neto, que adaptou a histórias dos três porquinhos de Joseph Jacobs, no formato de uma comedia – farsa.
Já o espetáculo “Mundo Mágico”, foi concebido pelo ator e monitor Rafael Silva, e perpassou várias metalinguagens teatrais, tais como: clowns, ópera e farsa.    

O festival lotou o auditório da Casa de Cultura Popular – Palácio Soledade em Apodi, com cerca de 200 pessoas, familiares e país dos alunos das oficinas. Todos os 50 alunos devidamente inscritos e com frequência regular nas oficinas e nas suas devidas escolas educacionais, puderam participar da iniciativa que culminou no I FESTCURTA – 2015 (Uma Homenagem ao Livro Infantil).  

Após todas as apresentações a Cia. Teatral Casarão apresentou um trecho de seu espetáculo “Improvisa-Cena” que usa de jogos teatrais para animar, divertir e interagir com a plateia presente. Os jogadores/atores: Dayana Moreira, Luis Marinho, Marcelo Plínio e Rafael Silva fizeram durante trinta minutos de apresentação todos gargalharem até chorar.  

Parte do cerimonial e recepção ficou a cargo de Dayana Moreira, que tocou, cantou e animou o público durante os intervalos de cada espetáculo. Já o cerimonial apresentado ficou por conta de um sarau poético organizado por Luis Marinho e Dayana Moreira com um grupo de alunos.
O festival contou com a produção da equipe técnica da Associação-ARD, nas pessoas de Fernando Luiz Calixta que assinou os cenários, Marcelo Plínio assinando a iluminação, Luis Marinho a produção executiva e Marcos Magalhães a coordenação de projeto, com o apoio cultural da empresa apodiense: TJ Empreendimentos na pessoa de Theodoro Junior.

Veja abaixo algumas fotos do evento: 





Fotos: Ari Oliveira 

domingo, 19 de abril de 2015

Feliz Dia do Índio para a Nação Tapuia de Apodi!

19 de Abril - Dia do Índio 

Naquele mundo cheio de pedras, serras semi-aridas, garranchos, vales e rios ou sazonais, habitados por gente de grande resistência, alegre, feliz, amiga e hospitaleira. Tivemos um acontecimentos que se projetou em toda Europa: festa ao ritual da passagem, realizada pelos índios Tarairius, em junho de 1647, ali reunidos pelos seus caciques chefiados pelo maioral JANDUÍ. (...) Os indigenas reuniram-se numa aresta estreita e comprida, que mede, aproximadamente 10 quilometros por 1.500 metros, onde estavam preparados as suas festas, no final de junho, sob todo o rito.(...) localiza-se o açude Marechal Dutra - ex Gargalheiras, município do Acari, desmembrando de Caico, da antiga região do Serido por onde viviam os índios chamados Tapuias chefiados por Janduí e outros caciques valentes, poderosos, corredores e destemidos.

O Cacique Janduí, homem forte, valente poderoso, destemido o VERDADEIRO REI do Nordeste Brasileiro. Nossos caciques valentes que andavam ao lado povo: Canindé, Caracará, Jenipapuassú e cacique Itaú dos Paiacus do Apodi.

Orgulho de ser Tarairiu, orgulho de ser Nordestino, orgulho de ser Tapuias Paiacus !

Cada peça encontrada é como se fala-se, estivemos aqui, fizemos historia. Contra fato não argumentos. Nosso povo não morreu!!!









Fotos e texto: Lúcia Maria Tavares - Remasnecente da Nação Tapuia de Apodi e Presidente do Centro Histórico-Cultural Tapuais Paiacus da Lagoa do Apodi

sábado, 18 de abril de 2015

Poesia para Vilmaci Viana - Deusinha

EU VOU TRANSFORMAR EM RIMA
A BIOGRAFIA DE VIVI
DA ZONA RURAL DE APODI
LÁ DO SÍTIO SANTA ROSA
PESSOA MARAVILHOSA
MEIGA, DOCE COMO O MEL
É PRA VILMACI VIANA
QUE EU DEDICO ESSE CORDEL.

O PAI DELA ESTÁ NO CÉU
QUEM MORA LÁ NÃO RECLAMA
VALDEMIRO PEDRO VIANA
JÁ FOI PREFEITO DE APODI
O NOME DA MÃE DE VIVI
MARIA FERNANDES, UMA RAINHA
TAMBÉM GRANDE ARTISTA PLÁSTICA
CONHECIDA POR MOZINHA.

DESDE O INÍCIO TEVE SORTE
CURSOU O PRIMÁRIO NA ESCOLA FERREIRA PINTO 
TERMINOU O GINASIAL NO COLÉGIO ANTÔNIO DANTAS
EM SEGUIDA DECIDIU
IR EM DIREÇÃO A CAPITAL
FOI PARA O HIPÓCRATES COLÉGIO E CURSO NA CIDADE DE NATAL
TERMINAR O SEGUNDO GRAU COM GARRA E DEDICAÇÃO
FEZ POR LÁ AUXILIAR DE ESCRITÓRIO
E APÓS FOI EXERCER SUA FUNÇÃO. 

PRESTE ATENÇÃO COMPANHEIRO
EM 1985 SE GRADUOU
E ASSIM EM EDUCAÇÃO ARTÍSTICA SE FORMOU
HABILITANDO-SE EM ARTES CÊNICAS, 
NA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE
PÓS-GRADUOU-SE EM EDUCAÇÃO ESPECIAL EM MINAS GERAIS
ESSA AMIGA É MUITO FORTE.

COM GARRA E DETERMINAÇÃO
FOI PROFESSORA DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA 
LECIONANDO NO ANÍSIO TEIXEIRA
E ATHENEU NORTE RIO-GRANDENSE
COM AMOR E DEDICAÇÃO
MOSTROU SER UMA PROFESSORA DE MUITA DETERMINAÇÃO


NO ESTADO DE RONDÔNIA ELA CASOU E FOI MORAR
E TEVE SUA FILHINHA
ANABELE VIANA SANTOS,
QUE LEGAL
SEU MARIDO É GENIVAL
UM HOMEM DE GRANDE VALOR
QUE NO CORAÇÃO TEM AMOR
EMPRESÁRIO CERAMISTA E ENGENHEIRO
VIVI É MULHER DE SORTE
AQUI E NO BRASIL INTEIRO.
ONDE VÁRIAS FUNÇÕES POR LÁ ELA EXERCEU
SEMPRE SUPERANDO O SEU EU
COMO EDUCADORA DA DIVISÃO DE ENSINO ESPECIAL
PRESTANDO SERVIÇOS AS APAES, SENSACIONAL
SOCIEDADE PESTALOZZI E ESCOLAS AFINS
FOI ASSESSORA DE PREVIDÊNCIA DO ESTADO DE RONDÔNIA
SEMPRE VITORIOSA ASSIM.


SUA HISTÓRIA NÃO TEM FIM
VEJAM QUE GRANDE FIGURA
VILMACI, FOI SECRETÁRIA DE CULTURA
DO ESTADO DE RONDÔNIA, MINHA GENTE
ELA ME DEIXA CONTENTE
POR ISSO QUERO RIMAR
PARA UMA MULHER INTELIGENTE
E CULTA DO MEU LUGAR.


POETISA PRA ORGULHAR
A NOSSA SOCIEDADE
É A MULHER DA CIDADE
É A NOSSA FORTE GUERREIRA
DA AAPOL ELA É CONFREIRA
ESCRITORA MEMORIALISTA
AUTORA DE VÁRIOS LIVROS
EU SOU FÃ DESSA ARTISTA.


AGORA BOTO NA LISTA
OS LIVROS QUE ADMIRO
TRAJETÓRIAS POLÍTICAS DE IZAURO E VALDEMIRO
PAISAGENS FEMININAS DE APODI
PUBLICA MAIS UM LIVRO AQUI
AS CANÇÕES DA LAGOA DOURADA
ONDE CONTA SUA HISTÓRIA DE VIDA
ESSA POETISA AMADA.


FICO IMPRESSIONADA
COM A SUA HUMILDADE
VILMACI É FELICIDADE
É VIDA É ALEGRIA
É VIAGEM EM POESIA
É O DESLUMBRE DAS EMOÇÕES
É A SEMENTE BELA QUE BROTA
NOS MAIS SINGELOS CORAÇÕES.



DEUSINHA
POETISA POPULAR
SÍTIO CÓRREGO
APODI- RN


Feijoada Cultural da Associação Raimunda Dantas


A Associação ARD, Associação Raimunda Dantas, estará realizando a feijoada cultural domingo dia 19 de abril. A arrecadação será para restauração da sede da Associação Raimunda Dantas na Casa de Cultura Popular. Não percam!!!
Dia: 19/04 - Domingo
Local: Em frente a Casa de Cultura Popular
Hora: A partir das 11:00 h.