Pesquisar neste blog

sábado, 19 de julho de 2014

Carminha - José Leite

Sonhei contigo desde pequenino,
tu a enfeitares os mais belos sonhos,
e a traçares todo o meu destino,
por caminhos alegres e dias risonhos.

E tu, Carminha, foste qual sonhei,
filha gentil, tão bela e tão querida,
acalentaste dores que ultrapassei

Oh minha filha! Quanto eu desejei
alcançar o dia de ver-te bem crescida,
e eis o dia que tanto almejei.

Eu hoje tudo vi e toda a tua vida
casa com os sonhos que fantasiei
e eu te abençoo com alma agradecida.

Nota: Para a minha filha Maria do Carmo, na conclusão do seu curso ginasial, em Mossoró/RN, no dia 9 de dezembro de 1962.

Flagrantes das Várzeas do Apodi - José Leite(Separata de Pré-Lançamento). 

Nenhum comentário: