Pesquisar neste blog

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Acampamento Edivan Pinto celebra um ano de existência.

Há exatamente um ano atrás centenas de agricultores e agricultoras sem terra ocuparam um latifúndio localizado na Chapada do Apodi, o fato demonstrou que há muito que ser feito no sentido de se garantir ou que se realize uma reforma agrária popular

Muito embora muitos digam que não há trabalhadores sem terra no município de Apodi, o fato demonstra que pensar assim corrobora em um grande equívoco pensar assim. No dia 24 de Julho de 2013 surgia o Acampamento Edivan Pinto, que representa mais um manifesto na luta contra a hegemonia do agronegócio na Chapada do Apodi. Gostaríamos de aproveitar a oportunidade para parabenizar a todos e todas que resistem e lutam até os dias de hoje. 

A luta pela reforma agrária não tem sido fácil e nunca foi fácil nesse Brasil de contradições, ainda mais quando se tem um modelo desenvolvimentista baseado na ideologia do agronegócio. Finalizamos parafraseando João Pedro Stédile. “Há 20 anos atrás o trabalhador dizia que queria terra para ele trabalhar. Hoje, o trabalhador quer terra para produzir alimentos saudáveis, sem agrotóxico. Isso é a Reforma Agrária Popular que estamos falando”.

Algumas fotos do Acampamento Edivan Pinto.


















Por Agnaldo Fernandes - Blog Notícias do Campo 

Nenhum comentário: