Pesquisar neste blog

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Amor inventado - Dodora

Ele tinha uma vida aparente,
socialmente coerente,
mas extramente carente.
Seus olhos tinham uma expressão diferente,
demente,
clemente.
Resultado de um amor
inventado na agenda?

Contraponto - Maria Auxiliadora da Silva Maia - Poesias/Crônicas e Contros Ingênuos - 1ª Edição, 1998.

Nenhum comentário: