Pesquisar neste blog

domingo, 17 de agosto de 2014

O saco de dinheiro


Há na história da vida do Coronel Lucas Pinto um fato misterioso bastante curioso, sabe o qual pairam dúvidas e dividem opiniões. Uns acreditam que o mesmo aconteceu. Outros não acreditam, dizendo que tal versão não passa de coisa inventada. 

O caso resume-se mais ou menos no seguinte: contas-se que alguns anos antes de morrer, o Coronel Lucas Pinto, resolveu, por motivos que ignoramos, retirar os seus saldos financeiros que tinha depositado em bancos e firmas comerciais com as quais negociava, como exportador. 

O dinheiro recolhido, uma quantia vultosa, era todo em cédulas. Mal acondicionadas dentro de um saco, estariam se estragando. O que teria levado o dono a colocá-las ao sol, na sua fazenda Apanha-Peixe, a fim de evitar a perda total do dinheiro. Alguém teria presenciado a cena,  em que o milionário procurava salvar a grande quantidade de cédulas. 

De toda essa história, o certo é que, segundo informações que precisam de maior confirmação, as cédulas que o coronel teria guardado dentro de um saco em algum lugar, não teriam sido gastas nem aparecido após a sua morte. 

Fonte: Misturas de Frases e Palavras - Válter de Brito Guerra(1998). 

Nenhum comentário: