Pesquisar neste blog

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Voz indígena - Raimundo Torres

Alguém pode perguntar:
Quem é você?
De onde vieste?
Para onde foste?
Eu responderia:
Sou uma raça chamada Brasil.
Sou o sangue puro dessa nação.
Sou as raízes das primeiras árvores, que aqui plantei.
Fui eu que subi nelas, degustei de seus primeiros frutos...
Nasci aqui...
De onde vim?
De lugar nenhum.
Sou daqui. Outros sim vieram, eu não.
Para onde fui?
Para lugar nenhum.
Veio o homem branco e deixou-me aqui mesmo, só que em pedaços,
São muitos, meio misturados.
Meio confusos...
Amedrontados, fugidos, fugindo de sua identidade...
Fui o primeiro sem terra, sem teto...
Meu sangue substitui o vermelho do Pau Brasil...
Meu sangue clama por justiça...
Quem sou eu?
Sou o nativo da terra, o mais puro dos brasileiros...
Sou o índio, a voz primeira daqui, que alguns tentam calar...
Resisti...
Ainda vivo...

Nenhum comentário: