Pesquisar neste blog

sábado, 17 de agosto de 2013

Cosme Lemos - ex-prefeito


COSME CORSINO DE LEMOS SOUZA, nasceu no dia 04 de fevereiro de 1904 na cidade de Martins-RN, sendo filho do Profº Alfredo de Souza Lemos e de Dona Ana Vidal Lemos.

Casou-se na cidade de Apodi-RN no dia 19/05/1928 com a Profª Hilda Lopes de Oliveira Lemos, (tia do Prof. Robson Lopes), deste matrimônio vieram 05 filhos. Foi nomeado telegrafista na cidade de Apodi, em 1921. Voltou a Martins em 1924 e aos 18 anos iniciara os seus "Versos Soltos". 

Em outubro de 1930, devido ao Golpe de Getúlio Vargas, foi nomeado Prefeito nomeado do Município de Apodi pela Junta Governista-Militar do RN, em substituição ao Coronel Francisco Ferreira Pinto. Comes Lemos foi interventor municipal de Apodi  no período 9/10/1930 a 29/10/1930 e, em janeiro de 1931, pediu exoneração sendo a mesma concedida com os maiores elogios "pela sua ação decidida" nos momentos da Revolução. Foi um apaixonado pelo povo e pelo município de Apodi, pelos quais devotou significativa parcela de sua trajetória intelectual e política. 

Foi Sócio correspondente da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras(ANL) e Academia Alagoana de Letras. Foi eleito Deputado Estadual representando o município e a cidade de Apodi a 19 de janeiro de 1947 para 17ª legislatura na Assembleia Constituinte do RN.  Esta legislatura promulgou a Constituição Estadual de 25 de Novembro de 1947, quando então o município de Apodi, através de Projeto-de-Lei de autoria do Deputado Cosme Lemos, voltou à condição de Comarca Judiciária, que tinha perdido para Caraúbas, por influência e tráfico de poder do então Desembargador Felipe Guerra no ano de 1931, mancomunado ao seu cunhado Tilon Gurgel, ficando assim Apodi sujeito à Caraúbas, na condição de Termo Judiciário. O mandato de Cosme Lemos terminou a 31 de Janeiro de 1951.

Em 1956 foi escolhido para fazer parte na cadeira que tem como patrono o poeta José Martins de Vasconcelos e tomou posse em 17/03/1960.  Em 1972 recebeu diploma da Academia Maranhense de Letras com a medalha Graça Aranha. Em 12/08/1978 tomou posse no Instituto Histórico e Geográfico do RN. Cosme Lemos faleceu em Natal-RN, em 02 de novembro de 1981.

Marcos Pinto - historiador apodiense 

Nenhum comentário: