Pesquisar neste blog

domingo, 21 de abril de 2013

Horizontal - Paulo Filho Dantas

“Ah, esse desconhecido horizonte
Que quanto mais olho
Sei da existência de algo mais.

Alguma coisa mexe com
O meu coração a convidá-lo
Incessantemente, atavicamente.

Junto forças e sozinho
Formo meu exército uno
Se preciso, vou...’’

Copiado do Livro: Caminhos do Meu Ser

Nenhum comentário: